Domingo, Maio 28, 2017
   
Text Size

Pesquise no Portal Islam BR

26º Congresso Internacional dos Muçulmanos da América Latina e do Caribe

Notícias - América Latina

capa 26_congresso_2012

 

 

Aconteceu em São Paulo o maior evento da comunidade muçulmana na América Latina.

 

 

 

Nos dias 29 e 30 de dezembro de 2012, sábios muçulmanos vindos de várias partes do mundo se reuniram no salão de eventos do Hotel Gran Estanplaza, em São Paulo, para o 26º Congresso Internacional dos Muçulmanos da América Latina e do Caribe onde debateram o tema: “As Escolas Islâmicas e o Seu Impacto na Preservação da Identidade Muçulmana na América Latina e Caribe”.

Mufti de Rashaya Sheikh Ahmed Al-ladanA abertura oficial do evento aconteceu no dia 29, às 20h e teve a presença de pensadores, líderes religiosos, políticos, corpo diplomático dos países árabes muçulmanos, representantes das associações e comunidades muçulmanas do Brasil e do exterior e também da comunidade muçulmana local, estiveram presentes doutores, sábios e sheikhs do mundo árabe islâmico; Mufti de Rashaya Sheikh Ahmed Al-ladan, Sheikh Talib Jomuah, Sheikh Dr. Saleh Bin Hussein Al-Ayed, Dr. Khalid Alodjimi, Dr. Ahmed Bahammam, Dr. Ahmed Awad Juma Kubaisi, Dr. Sultan Altobaishi, Sheikh Sami Khatib, Dr. Mohammed Bashar al-Faidhi, Dr. Ahmed Almzouk, Mufti Khalil Almeiss, Sheikh Abdul Ghafoor Badawi, Dr. Khaled Sindi, Dr. Abdul Karim AlRais ,Dr. Khaled AlDwuasir, Dr. Saad Zewaihri, Dr. Nasser Mohammad Almoqbil entre outros.

Abd Elghanni Awad Elkarim

A cerimônia teve seu início com a leitura do Alcorão Sagrado, e prosseguiu com discursos proferidos pelos convidados dentre eles o Deputado Federal Protógenes Queiroz (PCdoB-SP), que disse ser solidário ao povo muçulmano em todo o mundo, e destacou a importância da tolerância religiosa e do respeito mútuo entre os povos, ressaltou a sua profunda admiração pelo Islam, pelo profeta Muhammad e pelo Alcorão, falou também dos valores pregados pela religião islâmica aos seus seguidores, valores estes que são fundamentais para o desenvolvimento de uma sociedade, mais justa, igualitária e humana.

O presidente do CDIAL sr. Ahmad Ali Saifi, falou na abertura sobre a importância deste congresso para a comunidade muçulmana como um todo, agradeceu a todos os participantes e palestrantes, que vieram de todas as partes do mundo para enriquecer ainda mais o congresso, fez também um agradecimento ao Governo Brasileiro e parabenizou a presidenta Dilma Rousseff (PT) pelo seu governo democrático e de inclusão que, com certeza, irá conduzir o Brasil para um lugar de destaque no cenário mundial.

Mohammed Bashar al-FaidhiO representante oficial da Presidenta da República Federativa do Brasil, excelentíssimo senhor Deputado Federal Vicentinho, esteve presente no evento onde “agradeceu a todos e deu as boas vindas aos congressistas desejando-lhes sucesso e êxito no Congresso, como também agradeceu ao CDIAL por sua iniciativa e dedicação na escolha do Brasil como país anfitrião para este congresso”. 

Em suas falas os palestrantes abordaram a importância da educação e a sua influência sobre o comportamento humano no mundo moderno. Em cada palestra foram debatidos cinco tópicos onde os participantes puderam interagir com os palestrantes sobre os diversos aspectos da educação islâmica, ao final do congresso palestrantes e participantes fizeram as suas considerações finais, agradeceram o CDIAL pela realização deste congresso que ao longo destes 26 anos tem tido um papel fundamental na ampliação dos debates relacionados à comunidade muçulmana na América do Sul, trazendo grandes pensadores do mundo Islâmico para auxiliar a comunidade do continente na busca por soluções para os diversos problemas enfrentados pelos muçulmanos ao longo destes anos.  

Fizeram também um agradecimento especial ao sr. Ahmad Ali Saifi presidente do CDIAL, pelo seu incansável esforço em propagar a religião do Islam e por seu apoio na realização do 26º Congresso Internacional dos Muçulmanos. ziad

 

  • Declaração final dos congressistas:

Louvado seja Allah, que a paz e as bênçãos de Allah estejam sobre o Profeta Muhammad, seus familiares, seus companheiros e seus seguidores até ao Dia do Juízo final.

Certamente que Allah o Todo-Poderoso fez com que a união fosse à base do sucesso e da prosperidade, e fez da desunião base para a falha e a diferença, sendo que a Sua mão está com a união e com o grupo, e o lobo só devora a ovelha que está distante do rebanho.

Dr. Sultan AltobaishiNos dias 28 e 29 de Dezembro de 2012 correspondentes a 16 e 17 Safar de 1434 H. na cidade de São Paulo – Brasil, o Centro de Divulgação do Islam para América Latina CDIAL, realizou o  26º Congresso Internacional dos Muçulmanos da América Latina e Caribe sobre o tema: “Escolas islâmicas e o seu impacto na conservação da identidade islâmica na América Latina e no Caribe”.Abdul Karim AlRais

Ao começar, os congressistas saudaram e cumprimentaram ao heroico povo Sírio, que nos deram um modelo de paciência, coerência e determinação, rogamos a Allah o Todo-Poderoso para proporcionar-lhes a vitória com o Seu apoio.

Como também saudamos ao povo iraquiano, pedimos a Allah para que os ajude na marcha pela liberdade e dignidade, rogamos a Allah o Todo-Poderoso para que alivie a sua tristeza lhes proporcionado uma vitória concreta, pois Ele é Poderoso e esta acima de tudo.

Agradecemos ao Governo Federal do Brasil e ao seu povo pela tolerancia, e pela forma fraterna como acolheu a comunidade muçulmana em seu território, nos permitindo abrir as portas do trabalho de divulgação e de cooperação política permetindo a realização do congresso neste país abençoado.

 

  • Recomendações:

Os congressistas recomendaram o seguinte:

1. Enaltecer todas as iniciativas e recomendações apoiando-as, abordar as instituições doadoras dentre elas os ministérios e organizações para apoiar tais iniciativas.

2. A Comunidade muçulmana dos países da América Latina e do Caribe devem estabelecer como base o fortalecimento dos ensinamentos do Islam para preservar a identidade islâmica, aplicando-as em todas as esferas da vida e tentar destacar a imagem positiva e moderada do Islam aos diversos segmentos da sociedade nesses países através dos meios de comunicação.Mufti Khalil Almeiss

3. Frisaram a importância de que a comunidade muçulmana incentive e preserve a língua árabe, fazendo uso dela dentro da vida familiar e das instituições de ensinos islâmicos, ativar o processo dos programas educacionais para conscientizar aos muçulmanos sobre a importância de se preservar a língua árabe.

4. Cuidados com o sistema ético e de valores, através da exploração de atividades de ensino e de educação, para que se possa construir uma geração que conserve os seus valores muçulmanos e a identidade islâmica.

Dr. Khaled Sindi5. Convidar empresários, instituições financeiras islâmicas, empresas de consultoria, instituições educacionais relacionadas a educação nos países islâmicos para investir na área da educação no Brasil como um país em crescimento econômico, e enaltecer o papel dos empresários brasileiros dentre os muçulmanos para atrair investimentos árabes e islâmicos na área do ensino e da educação.

6. Incentivar as Instituições de ensinos Islâmicos nos países da região para tirar proveito dos currículos educacionais mais avançados e formulando programas de investimento para melhorar o seu desempenho no campo da educação profissional em conformidade com os melhores sistemas do mundo.Dr. Sheikh Khalid Alodjimi

7. Criar complexos educacionais que incluam todas as séries, inclusive uma Universidade na cidade de São Paulo que disponha de uma grade educacional para o ensino da ciência, da economia, da Jurisprudência e da língua árabe, para acomodar os programas educacionais e de capacitação especializada que serviram para suprir as necessidades da comunidade muçulmana, sob a supervisão do Conselho de Educação criado neste Congresso.

8. Convidar membros da comunidade islâmica dos países da região para apoiar na criação de um fundo que será usado para implementar os projetos na área da educação e na divulgação do Islam.

9. Cooperar com as instituições de ensino governamental nos países da região para criar um projeto comum para servir os membros da comunidade islâmica no campo do ensino da língua árabe e da ciência religiosa.

Sheikh Sami Khatib10. Buscar junto a Liga Mundial Islâmica representada por S. Excia o Secretário-geral Sheikh Abdallah Bin Abdul Mohsen Al Turki e o Banco Islâmico de Desenvolvimento representado pelo seu presidente Dr. Ahmad Mohamed Ali e outras instituições islâmicas especializadas nas questões das minorias muçulmanas, apoio na questão da preservação da identidade islâmica nas comunidades muçulmanas nos países da América do Sul e do Caribe e auxilio e financiamento de projetos destinados a educação islâmica.

11. Direcionar as Instituições islâmicas de ensino na região para trabalhar no âmbito do desenvolvimento das competências dos estudantes mais talentosos e a nomeação deles para participarem de competições internacionais e permitir que eles se beneficiem dos programas de bolsas de estudo oferecidas por países islâmicos.

12. Empenhar-se nos programas de ensino especializado para crianças e mulheres e trabalhar para melhorar o desempenho e o uso da tecnologia para auxiliar o ensino.

13. Convidar a comunidade muçulmana para participarem nos programas e atividades educacionais organizadas pelas escolas islâmicas.Dr. Nasser Mohammad Almoqbil

14. Incentivar a comunidade muçulmana para que apoiem as escolas islâmicas, para que conseguiam desempenhar o seu papel na educação isso é fundamental para funcionamento destas instituições.

Dr. Sheikh Ahmad Bahammam15. Criar uma metodologia de ensino à distância, ensinando através da tecnologia interativa on-line que é perfeitamente viável com um custo relativamente baixo, equipando as mesquitas com tecnologia de processamento, para possibilitar o ensino ao vivo de forma prática, com educadores qualificados e competentes no ensino a distância, ou ate mesmo profissionais vindos de outros países.

16. Buscar doadores para participarem e financiarem projetos como o de uma biblioteca islâmica voltada para a divulgação, que servirá como uma ponte para aproximar as comunidades muçulmanas com os novos muçulmanos convertidos, para que se socializem e conheçam o Islam através de salas de leituras especializadas e atividades sociais.

17. Enviar cartas de agradecimento aos presidentes e reis dos países islâmicos que enviaram seus delegados para participarem deste Congresso convidando-os para apoiar as recomendações e iniciativas deste Congresso.

18. Criar uma delegação que ira junto ao Governo do Brasil e dos países da América Latina e do Caribe pleitear a alocação ou doação de terrenos para a construção de centros de ensino e de educação islâmica que possam fornecer o conhecimento islâmico correto para os filhos das comunidades islâmicas.

19. Criar uma delegação que ira pedir ao Guardião das Duas Mesquitas Sagradas o Rei Abdullah Bin Abdul Aziz um incentivo do Ministério do Ensino Superior para abrir um Instituto Internacional para o ensino da língua árabe e da ciência religiosa e para formação de pregadores e professores no Brasil e na America Latina.

Dr. Saad Zewaihri20. Solicitar ao Guardião das Duas Mesquitas Sagradas o Rei Abdullah Bin Abdul Aziz, que Allah o proteja, para alocar um orçamento que seja suficiente para a conclusão e manutenção dos projetos para o beneficio das comunidades islâmicas na América Latina e no Caribe, por exemplo, o Centro do Guardião das Duas Mesquitas Sagradas em Assunção capital do Paraguai, que teve a sua pedra fundamental inaugurada pelo Presidente da República, como também o apelo feito pelos congressistas ao Guardião das Duas Mesquitas Sagradas para criar um centro islâmico em México City, capital do México, e a construção de um grande  centro islâmico na cidade de São Paulo, para acomodar o número crescente de muçulmanos na cidade mais estratégica do continente, considerada a porta principal para os países do continente sul-americano e a ponte entre o mundo islâmico e os países da América Latina e do Caribe.Dr. Sheikh Ahmad Almazouk

No final, os congressistas decidiram formar um grupo de voluntários para realizar e acompanhar as recomendações do Congresso e acompanhar os seus relatórios e os seus programas para as próximas reuniões, e já preparar a organização e os trabalhos para o próximo Congresso a ser realizado no final de dezembro de 2013 inshaa Allah em São Paulo, em parceria com a Organização Mundial para as Mesquitas que terá como titulo: “A realidade das Instituições Islâmicas na gestão e construção de Mesquitas e Centros Islâmicos na América Latina e no Caribe”.

saifiComo também gostaríamos de agradecer a todos aqueles que contribuíram para o sucesso deste Congresso e felicitamos o Reino da Arábia Saudita, através do seu Rei, o governo, o povo e as Instituições pelo trabalho prestado em prol do Islam e dos muçulmanos, e o resto dos Governos Islâmicos que participaram através de suas missões diplomáticas que participaram no Congresso, e agradecemos a todos os convidados e participantes, coordenadores e colaboradores, e se não fosse pela permissão de Allah o Todo-Poderoso, e em seguida os seus esforços não conseguíramos estar reunidos neste abençoado lugar, agradecemos à Comissão de Redação, Dr. Ahmed Alladan, Dr. Saad Zewaihri, Sheikh Mohamad El Moghrabi, Hajj Ahmad Ali Saifi, Dr. Ahmed Bahammam, Dr. Khalid Al-Ojaimi, Sheikh Hamid Al-Idriss, o professor Sami Al-Khatib e Dr. Saleh Al Ayed e Todo o Louvor pertence a Allah, com a Sua anuência se conclui as boas obras.Dr. Saleh Bin Hussein Al-Ayed

O Congresso agradece ao Governo saudita e a população pelos seus esforços reconhecidos por todos e pelo trabalho que começou na cidade Sagrada de Makkah: “A tarefa da Divulgação da Religião de Allah Todo-Poderoso e a propagação da Luz do Islam para toda a humanidade”.

Agradecimentos especiais também para o Egito, representado pelo Ministério da Awqaf e Assuntos Islâmicos, e a Universidade de Al-Azhar, o qual tem fornecido a este país com uma bondade fraternal estudiosos, Leitores do Alcorão Sagrado, Imams e Palestrantes que tiveram e tem um papel proeminente no enriquecimento do campo religioso no Brasil e na América Latina. Agradecemos ao governo egípcio bem como a sua população, e destacamos de ante mão que estamos juntos de forma fraterna e destacamos o nosso apoio ao novo Egito.

confira as fotos do 26º Congresso Internacional dos Muçulmanos da América Latina e do Caribe: 

 

Facebook

Twitter

Google Plus

YouTube

LinkedId

Banner
Banner
Banner

Traducir Translate يترجم

English Arabic French German Hindi Italian Japanese Russian Spanish