Sexta, Julho 21, 2017
   
Text Size

Pesquise no Portal Islam BR

O adeus ao Sheikh Khalil Saifi

Notícias - Islâmicas

Morre o guerreiro para colher a sua recompensa junto de Allah!!!

 

O Sheikh Khalil ficou conhecido no Brasil com sua dedicação e humildade, um sheikh não como os sheikhs, um educador não como os educadores, seu ideal de dawah era mais importante que sua família, seus irmãos eram mais importantes que ele mesmo, seus alunos também eram antes de seus filhos. Amou a cidade de Saida que também o amou, e manteve o seu amor por sua cidade natal, Sultan Ya´aqub (Luci), nasceu e cresceu neste vilarejo nobre e especial, e construiu uma ponte de carinho e amor entre o Beka´a e o Litoral, uniu os corações depois de iluminá-los e diminuiu as distâncias... e agora, ele entrega a sua amanah em Saida e entrega o seu corpo no Beka´a, onde mais de dez mil pessoas se despediram dele, e outros milhares como nós no Brasil desejávamos estar entre eles.

 

Com certeza, iremos ler muito sobre a história da luta do “guerreiro” Sheikh Khalil. Hoje li uma mensagem de condolências do Dr Salahuddin Arqadan: “Nos veio como o sol para iluminar os dias de injustiça e derrota... e como a chuva para regar o deserto seco e árido... para, com sua nobre atitude e postura, aconselhar, liderar e ensinar no “massjid al ómari al kabir”.. para ser o educador e professor onde seus pés chegarem, seja numa mesquita ou numa cafeteria ou num clube... a brancura de seu coração refletia na brancura de seus cabelos... a sua paciência era a escola de Jó, o seu amparo era a escola de José, a sua dedicação era a escola de Muhammad... humilde a ponto de fazer você pensar que ele se entrega a todas as coisas... e valente a ponto de você pensar que nada pode contra ele. Assim, você se concentrava em seu oratório e o amava naturalmente e sem indução.. Olhávamos para o centro vazio do círculo da dawah e da dedicação para o Islam, quando o Islam sofria com as tempestades da ignorância moderna... e ele observava para o seu centro cheio com a promessa de Allah, que não descumpre a Sua promessa”.

Nossas palavras e escritas não cumprem com o dever e não chegam à altura que Sheikh Khalil tem, assim como as palavras e escritas sobre nossos pais não cumprem com o dever que temos para com eles vivos estejam eles ou mortos... Me lembro quando eu tinha cerca de 15 anos e este homem que carregou consigo a responsabilidade de salvar e iluminar gerações, com a anuência de Allah, nos falava como se fosse de nossa idade, em cada olhar seu havia uma lição, em cada passo um sacrifício e dedicação. Quantos e quantos irmãos não o observavam a adormecer sentado quando estava com alguém? Por que? Porque ele não tinha hora para dormir. Não tinha hora para as suas necessidades, sua vida era para Allah, sua palavra era para Allah, seus passos eram para Allah... e agora está junto d´Ele para receber da Alteza e Misericórdia que merece, assim rogamos.

Nós muçulmanos no Brasil, tanto os de origem árabe como os novos muçulmanos, e nós condutores da causa islâmica, devemos:

 

- ver a morte de nossos sábios como uma grande catástrofe, pois o profeta (saas) disse: “Allah não arranca a sabedoria diretamente das pessoas, mas a arranca com a morte dos sábios. A sabedoria é elevada junto com eles, e permanecem entre as pessoas cabeças ignorantes, que as guiam sem conhecimento, então, se extraviam e extraviam aos outros”. Portanto, a morte da sabedoria ocorre com a morte dos sábios. Desta maneira sabemos realmente o tamanho da perda de uma estrela como o Sheikh Khalil para o mundo.

 

- intencionar seguir os passos do sábio que perdemos, para junto com as lágrimas que jorram do fundo de nossos corações, nos beneficiarmos destes homens, que são modelo para nós, na juventude e na velhice, na vida e na morte. Ao lembrar do Sheikh Khalil, intencionamos que “aos seus passos seguiremos”, e sentimos naturalmente que ele influenciou em nossos corações, e os seus ensinamentos permanecem e são lembrados cada vez que nos lembramos dele ou olhamos para a sua foto, que irradia e ilumina como se fosse uma imagem ao vivo.

 

Suas boas obras continuam porque milhares de pessoas seguem os seus passos mesmo depois de sua morte,... Disse o Profeta (saas): “Se o filho de Adão morre suas obras são seladas, exceto por três causas: uma caridade corrente, um conhecimento do qual se beneficia, ou um filho que roga por ele”..., devemos então, também seguir os seus passos no trabalho islâmico, para junto dele e dos profeta, verazes, mártires e sábios colher a recompensa que têm junto de Allah, exaltado seja.

 

Nos dirijimos com os mais sinceros pêsames à toda família do Sheikh Khalil, esposa, filhos, sobrinhos... e a todos os muçulmanos.

 

Inna lilléhi ua inna ilaihi raji´un (Somos de Allah e a Ele retornaremos)

Vosso irmão Sheikh Ahmad Mazloum

 

Mais de 10 mil pessoas, entre elas, dezenas de autoridades religiosas e políticas, compareceram à oração fúnebre ao Sheikh Khalil na cidade de Sultan Ya´aqub (Luci), Líbano

Facebook

Twitter

Google Plus

YouTube

LinkedId

Banner
Banner
Banner

Traducir Translate يترجم

English Arabic French German Hindi Italian Japanese Russian Spanish